Peça agora o seu DVD!

O valor pago nesta contribuição, alusiva a

compra do DVD, terá 100% dos recursos obtidos repassados sem qualquer ônus a AVAPAC

AJUDE-nos a ajudar!

QUEM SOU EU?

ARCANJO GONZALEZ

Eu sou Arcanjo Gonzalez, empresário no ramo de engenharia. Nasci em Penápolis (SP), em dezembro de 1952. Estou com 61 anos de idade. Aos 8 anos mudei para Dracena onde vivi minha infância e adolescência.

 

Com 16 anos fui estudar e trabalhar em São Paulo. Formei-me Técnico em Agrimensura e retornei para Dracena com 20 anos.

 

Em 1971 casei. Tenho 3 filhos e 7 netos. Trabalhei por 35 anos na Medral. Faz 3 anos e meio que trabalho na Medral Geotecnologias.

 

Hoje divido com a minha esposa um novo desafio: somos editores da Editora Cuore .

 

Em 1993 comecei a desacelerar meu ritmo de trabalho e o esporte foi a forma que encontrei para completar esta lacuna.

Veja agora

Nos anos 1993/94 dediquei boa parte deste tempo ao "kart", e tive como companheiro nesta aventura, meu filho Fabrício.

 

Depois em 1995, voltei a praticar o ciclismo, onde participei em várias competições, na região oeste paulista até 1999. Neste período conquistei várias medalhas tanto no ciclismo como no kart.

 

Em 1999 também mudei o escritório central da Medral para São Paulo. Com a transferência do escritório da matriz para a capital, paralelamente continuei com as minhas pedaladas.

 

Em 2003 iniciei a 1² viagem ao ciclo turismo fazendo o "Caminho do Sol". Participei em algumas corridas aqui em São Paulo ( Nike, Samsung, Graac) e também nas São Silvestre de 2005 e 2007. Nesta última sofri uma lesão na coluna o que dei como encerrada minha vida de corredor.

 

Mas não fiquei desanimado. Logo adquiri uma moto e continuei minha vida de aventuras. Fiz de todos os percursos percorridos por mim e meus parceiros de aventuras, um mapa compacto onde discrimino todas viagens, com km percorridos.

O meu objetivo final é transferir um pouco dessas experiências em prol da AVAPAC de Dracena (SP). Em 2001 e 2002, passei por um período delicado em minha família. Minha esposa e minhas duas filhas tiveram câncer ,mas graças a Deus tudo acabou bem. Em 2007 meu parceiro de bike, Marcelo também enfrentou a mesma doença.

 

Por esses motivos eu me propus a colaborar com esta associação (AVAPAC). Também porque admiro o trabalho dos 60 voluntários que não medem esforços para minimizarem o sofrimento dos mais de 400 pacientes de Dracena. Bem como dão respaldo aos familiares dos mesmos. Diante da seriedade deste trabalho voluntários, que requer comprometimento, dedicação, paciência, perseverança, e muito amor.

 

Eu Arcanjo , me coloco como aspirante a voluntário da AVAPAC, esperando que minha parcela de contribuição, beneficie esta entidade tão séria e tão admirada por mim e por todos que a conhecem.

copyright ® 2015